fbpx

Type to search

Bairros do Rio O que fazer no RJ

Conhecendo o Bairro de Santa Teresa no RJ – Lista de atrações

Compartilhe

Santa Teresa é um bairro boêmio, com muros coloridos e um acentuado clima “carioquês” que o Rio tem além do famoso Bondinho de Santa Teresa.

Fizemos nosso passeio a pé, e foi bem tranquilo para chegar nos lugares, mesmo tendo que subir algumas ladeiras.

Nós fomos em um feriado e estava bastante movimentando não achamos perigoso e havia bastante policiamento.

Você tem a opção de fazer de carro, e ir tentando estacionar onde der; ou de táxi, parando no último ponto citado no post e depois descendo para conhecer o restante.

Ou então ir de bondinho, que custa R$ 20 e deixa no último ponto. Fizemos a pé, porque o bondinho não funciona nos feriados. (tá né…) Então, o que fazer em Santa Teresa RJ?

 

O que fazer em Santa Teresa RJ

 

Primeiramente, andar de bondinho!

Infelizmente no dia em que fomos não estava funcionando, mas a ideia era ir até o último ponto e ir descendo, parando nos outros pontos que íamos visitar.

Por um lado foi até bom o bonde não funcionar, porque achamos a passagem de R$ 20 caríssima e o percurso é muito curto (bem menor do que o trajeto antigo, antes do acidente ocorrido em 2011).

Mas eu queria muito andar de bondinho, passando por cima dos Arcos da Lapa. Maaaas descobri que se você pegar o bondinho descendo, a passagem é de graça hehehe.

Bondinho de Santa Teresa

Vista para a rua em cima dos Arcos da Lapa.

Bondinho de Santa Teresa

Andando de bondinho.

 

Em um outro momento nós fomos com a família para passear no bairro de Santa Teresa e andar de bondinho iei!

Você pode pegar o Bonde de Santa Teresa no ponto de partida, atrás da sede da Petrobrás, nos fundos do Largo da Carioca, na Rua Lélio Gama – bem pertinho da estação de metrô Carioca, que foi onde descemos.

 

Bondinho de Santa Teresa

Entrada para a estação do bondinho.

 

Atualmente há duas opções de bondes: Largo da Carioca – Largo dos Guimarães e Largo da Carioca – Francisco Muratori.

As saídas ocorrem a cada 20 minutos no ramal Guimarães, e a cada hora no ramal Muratori.

O custo do passeio é de R$20, ida e volta. Horários bonde de Santa Teresa: Segunda a sexta, 6h30 às 16h15. Sábado, 10h às 18h.

Veja o mapa com o trajeto do bondinho Santa Teresa.

 

Bondinho de Santa Teresa

Mapa com as paradas do Bondinho de Santa Teresa.

 

O bondinho fica parado esperando passageiros, mas é uma boa chegar antes da saída para tirar umas fotos.

Há banheiro e bebedouro na estação. E guarde o seu ticket, pois se você descer em alguma parada, para pegá-lo novamente precisa estar com o ticket.

 

Bondinho de Santa Teresa

Fotos no Bondinho.

 

Foi uma experiência muito gostosa, porque passamos pelos Arcos e pelo bairro de Santa Teresa… tirando o fato que o motorista achava estar no Filme do Velozes e Furiosos, foi uma delícia.

Nós fomos até o último ponto e na descuida paramos no Largo dos Guimarães para passar em uma lanchonete conhecida pelo seu pão de queijo.

Depois pegamos para descer, precisa ficar atento aos horários.

 

Bondinho de Santa Teresa

Parada para comer um pão de queijo delicioso.

 

Agora se você vai fazer o roteiro a pé siga nossas dicas;

Para fazer a primeira parada do dia temos que passar pelos Arcos da Lapa, que por si só já é um ponto lindíssimo para se tirar fotos e se sentir no Rio.

Em 2019 inauguraram um mobiliário urbano RioAmaLapa, deixando mais um ponto interessante para fotos na região.

Porém ele não sobreviveu… e não está mais no lugar, mas quem sabe volta, né?

 

Mobiliário Urbano Rio Ama Lapa no Rio de Janeiro. Bondinho de Santa Teresa

Mobiliário Urbano Rio Ama Lapa.

Arcos da Lapa com bondinho no Rio de Janeiro. Bondinho de Santa Teresa

Arcos da Lapa e bondinho passando..

A Civitatis é uma empresa que oferece passeios, tours, ingressos nos principais destinos nacionais e internacionais. Veja opções de passeios Em Santa Teresa aqui.

Free tour pela Lapa e Glória

Seguindo pela Lapa em direção à praia você vai entrar na Rua Teotônio Regadas.

É uma rua estreita com uns muros coloridos. E lá tem o Marino, que escreve o nome das pessoas em um desenho feito por ele na parede.

Ele cobra R$ 5 reais de ajuda pela arte, mas você pode dar mais se quiser. Escrevemos “André ♥ Ana Paula”.

A ideia é bem interessante pois seu nome vai ficar gravado ali pra sempre… ou até alguém pintar né hahah, mas esse é o segundo muro que ele fez, o primeiro está lotadíssimo de nomes de vários lugares do mundo.

Continuando nessa rua você vai dar de frente para a escadaria Salarón.

 

O que fazer em Santa Teresa no RJ

Marino escrevendo nossos nomes.

O que fazer em Santa Teresa no RJ

André ♥ Ana

 


Escadaria Selarón

Nossa segunda dica sobre o que fazer em Santa Teresa é conhecer a  famosa escada colorida do Rio de Janeiro a escadaria Selarón que liga o bairro da Lapa com Santa Teresa.

Ela é composta de azulejos de diversas cores, desenhos e lugares do mundo (mais de sessenta países).

Obra feita pelo artista plástico chileno Jorge Selarón na década de 90.

 

azulejos do mundo todo escadaria selarón

Azulejos do mundo todo

 

Para tirar foto nos azulejos da escada com a escrita Rio de Janeiro, faz-se uma pequena fila.

E lá também tem alguns vendedores de foto rs. Fomos no feriado e ela estava cheia, não a ponto de não conseguir tirar a foto, mas é necessário ter um pouco de paciência.

 

Escadaria Selarón

Parte da escadaria que tem fila para as fotos

Escadaria Selarón

Escadaria Selarón.

 

Subindo os degraus, há mais lugares legais para tirar foto e quando avistar a bandeira do Brasil, continue subindo as escadas até dar em uma ladeira.

Nela há uma placa indicando os largos e o parque das ruínas, que fica à sua esquerda, subindo essa ladeira.

Dica: Use sapatos confortáveis.

Bem rapidinho, você vai dar em outra rua, é só virar à direita e seguir reto.

Ao longo do percurso existem diversas placas indicando o caminho para o Parque da Ruínas e o Museu Chácara do céu.

Há mais uma ladeirinha de paralelepípedos, siga por ela e um pouco mais à frente está o Parque das Ruínas.

 


Parque das ruínas

Um dos pontos turísticos de Santa Teresa mais visitados é o Parque das Ruínas.

Há uma extensa grade verde na rua marca a entrada para o Parque que tem entrada gratuita.

Ou seja, não é um espaço “exposto na mata” hahaha, mas sim um lugar fechado com segurança, banheiro, bebedouro e até uma lanchonete.

 

Parque das Ruínas - Entrada

Parque das Ruínas – Entrada

Parque das ruínas

Frente da casa

 

Havia uma exposição de quadros para comprar em um corredor e subindo mais uma ladeirinha se avista o casarão “arruinado”.

Era uma antiga casa de Laurinda Santos, patrocinadora das artes na Belle Époque carioca, onde realizava saraus que agitavam o bairro de Santa Teresa.

O casarão possui paredes propositalmente de tijolos, com espaços descobertos, janelas abertas e algumas com vidro e escadas de metal.

 

Parque das ruínas

Parque das ruínas

Parque das ruínas

Parque das ruínas

 

Do lado de fora do casarão fica a lanchonete e um espaço aberto com um mirante permitindo uma linda vista do pão de açúcar e Baía de Guanabara.

 

Parque das Ruínas mirante

Mirante do lado de fora da casa

 

Entrando para explorar as ruínas da casa, no andar inferior, além de um espaço vazio e banheiros bem arrumadinhos, tem uma entrada para a galeria principal com outra exposição.

Nesse dia era: “Tessituras – Tramas de Som e Luz”, de Karla Pessôa. Uns tecidos pendurados pela sala fazendo um jogo de sombra e luz bem legal.

 

Parque das ruínas

Exposição no subsolo da casa

Parque das ruínas

Exposição

 

Subindo os outros andares, muitos casais namorando e tirando fotos. Lá é um dos points para os fotógrafos fazerem book.

No segundo andar tem uma parede de vidro com a mesma vista do mirante, e uma pontezinha que dá no Museu Chácara do Céu.

 

Parque das ruínas

Fazendo pose no Parque das Ruínas.

Ponte que leva ao Museu Chácara do Céu

Ponte que leva ao Museu Chácara do Céu

 

E subindo mais um andar, outro mirante, só que mais alto. De um lado temos uma vista panorâmica da Baía de Guanabara e, do outro, uma vista incrível para o Centro da cidade.

Como chegar: O parque das Ruínas fica na Rua Murtinho Nobre, 169 e abre de terça a domingo, das 8h às 18h.

Não há estacionamento no Parque das Ruínas, mas há as opções de deixar nas ruas por perto, ou no estacionamento do Museu Chácara do Céu que tem ligação direta com o Parque das Ruínas.

 

Parque das ruínas

Vista do mirante do último andar.

Janela de vidro com a vista para o pão de açúcar do parque das ruínas

Janela de vidro com a vista

 

Confira nosso post com 16 Mirantes no Rio de Janeiro para conhecer aqui.


Museu Chácara do Céu

Outra indicação sobre o que fazer em Santa Teresa é o Museu Chácara  do Céu.

Você pode chegar pela ponte do Parque das Ruínas que dá logo na entrada do museu.

Não entramos no museu, só demos a volta do lado de fora que já é um jardim bonito e com vista. Estávamos correndo um pouco com horário.

O espaço parece ser bem legal e bonito. Nesse link você pode ter mais informações sobre a exposição de longa duração:

E no site também tem como ver as exposições temporárias.

Diariamente, exceto às terças-feiras, das 12h às. Fecha nos dias 1º Jan, Carnaval, 25 Dez e 31 Dez, e tem entrada gratuita às quartas-feiras.
Fica na Rua Murtinho Nobre, 93.
Estacionamento Gratuito no próprio museu.
Ingresso R$ 6,00 (inteira) / R$ 3,00 (estudantes)
Gratuidade: Menores de 12 anos, pessoas com mais de 65 anos, grupos escolares, professores e guias turísticos em serviço, membros do ICOM e da Associação dos Amigos dos Museus Castro Maya, moradores do bairro de Santa Teresa com comprovação de residência.

 

Museu Chácara do Céu

Museu Chácara do Céu.

Museu Chácara do Céu

Museu Chácara do Céu.

Museu Chácara do Céu

Museu Chácara do Céu.

 


Largo do Curvelo

O largo do Curvelo em Santa Teresa é uma das paradas do Bondinho.

Voltando o caminho que você fez para ir ao Parque das Ruínas, alguns metros depois, há uma rotatória e no meio dela tem uma estação do bondinho super colorida.

Quase em frente à estação tem uma pracinha que dizem ser um pequeno mirante, mas estava com muita vegetação na frente, inviabilizando a vista.

Seguindo adiante para o Largo dos Guimarães há um belo muro com o desenho do bondinho de Santa Teresa.

 

Largo do Curvelo

Estação Largo do Curvelo.

Muro 3d com bondinho de santa teresa com paisagem do pão de açúcar, baía de guanabara, morro dois irmãos, corcovado, favelas e praia de ipanema

Lindo muro com pintura do bondinho, no caminho para o Largo dos Guimarães

 


Largo dos Guimarães

 

É no caminho do Largo dos Guimarães em Santa Teresa que começam a aparecer os restaurantes e bares mais indicados da área, como por exemplo o Portella, o Espírito Santa e o Bar do Mineiro (que foi onde comemos).

 

Parada Bonde Santa Teresa Largo dos Guimarães

Largo dos Guimarães – Última parada dos bondinhos

 

O Bar do Mineiro é conhecido pela feijoada e o pastel de feijoada.

Escolhemos o pastel, mas no cardápio só tinha a porção de mini pastéis (18 no total) que você pode escolher um sabor só ou vir variados.

Custou R$ 38, achamos muito caro para o que era, os pastéis são bem recheados, os sabores diferentes, mas muito pequenos e o de feijoada não era o mais gostoso.

Os preços do bairro de Santa Teresa RJ são para turistas…

 

Bar do Mineiro Santa Teresa

Bar do Mineiro

Largo dos Guimarães

Bar do Mineiro

Porção de Pastéis Bar do Mineiro

Porção de Pastéis

 

Ali também tem a última parada do Bondinho (lembrando que para descer a partir desse ponto é de graça).

E também há muitas lojinhas de artesanato, roupas, decoração bem coloridas e souvenirs de Santa Teresa e do Rio.

 

Largo dos Guimarães – Restaurantes

Largo dos Guimarães

Largo dos Guimarães – lojinhas

 

Há também um muro extenso com grafites bem legais que dão fotos ótimas.

 

Largo dos Guimarães

Largo dos Guimarães – Muros com grafite

Largo dos Guimarães

Largo dos Guimarães – Muros com grafite

 

 

Conclusão:

Gostamos muito de passar uma tarde no bairro de Santa Teresa, conhecendo um pouco mais do Rio.

Vá em feriados ou fins de semana durante o dia, porque fica mais cheio e com mais policiamento.

E não se esqueça de levar a câmera, pois esse passeio vai render fotos do início ao fim! Achamos tudo muito bem sinalizado e de fácil acesso.

Dá para fazer tudo a pé, não achamos necessário o carro e estacionar em alguns lugares deve ser difícil.

 

A Civitatis é uma empresa que oferece passeios, tours, ingressos nos principais destinos nacionais e internacionais. Veja opções de passeios Em Santa Teresa aqui.

Tour em Santa Teresa Free Tour por Santa Teresa

 

 

Gostou do nosso post O que fazer em Santa Teresa? Que tal conferir outros artigos do Blog?

Dicas de lugares para comemorar aniversário

Onde comer na cidade do RJ
O que fazer no bairro do Flamengo 
Como fazer a Trilha do Morro Dois Irmãos
Conheça a Praia do Secreto
Exposição da Casa Roberto Marinho
Roda Gigante no RJ 
Lista com destinos para fim de semana no RJ

 


EI, VAI VIAJAR? ENTÃO RESERVE COM A GENTE!


Sabia que quando você faz uma reserva com um link do blog, nós ganhamos uma pequena comissão? Você não paga nada a mais por isso e ainda nos ajuda a produzir mais artigos e vídeos! Topa dar essa forcinha para o Até Onde eu Puder Ir? Então planeje sua viagem aqui.

Hospedagem: Booking
 Passagens Aéreas: Passagens Promo
 Aluguel de carro: Rent Cars
 Seguro viagem: Seguros Promo
Ingressos e Passeios: Get your GuideCivitatis
 Chip e Internet: Viaje Conectado

Ana Paula

Olá! Eu sou Ana Paula. Sou formada em publicidade, amo viajar e me conectar com pessoas, lugares e culturas diferentes. Já visitei 11 países, inúmeras cidades e vou continuar Até Onde eu puder Ir.

  • 1

11 Comments

  1. Murilo Pagani 13 de agosto de 2019

    Santa Tereza está entre as minhas prioridades na minha viagem de outubro ao Rio!

    Sou doido pra conhecer o Parque das ruínas!

    Adorei as dicas!

    Abraço

    Responder
    1. Ana Paula 14 de agosto de 2019

      Ah que bom, vc vai curtir!

  2. Gabriela Torrezani 14 de agosto de 2019

    Eu amo Santa Teresa, na verdade é meu bairro preferido do Rio de Janeiro… super charmoso né? Quero voltar e ficar hospedada por lá pra aproveitar ao máximo!

    Responder
    1. Ana Paula 14 de agosto de 2019

      Nós nos casamos em Santa Teresa rs

  3. Juliana 14 de agosto de 2019

    Quanta coisa para fazer em Sata Teresa. Que pena não terem conseguido andar de bondinho, eu achei muito gostoso. Conheço só Selarón e o Parque das Ruína, preciso urgentemente me preparar para conhecer mais coisas!

    Responder
    1. Ana Paula 14 de agosto de 2019

      Muita coisa né! Vai sim vc vai gostar

  4. angiesantanna 15 de agosto de 2019

    visitei santa teresa esse ano e adorei a atmosfera, uma pena que nao vi esse letreiro para tirar foto, preciso voltar!

    Responder
    1. Ana Paula 16 de agosto de 2019

      Santa Teresa sempre tem um motivo pra voltar ^^

  5. Hebe 18 de agosto de 2019

    Parabéns pelo post Ana. Amo Santa Tereza. Um charme esse bairro

    Responder
    1. Ana Paula 18 de agosto de 2019

      Obrigada!

    2. Ana Paula 22 de agosto de 2019

      Obrigada! É mesmo

Dúvidas, elogios, críticas ou sugestões? Adoraremos ler seus comentários!

%d blogueiros gostam disto: