fbpx

Type to search

Ilha de Marajó Pará

Roteiro Ilha de Marajó

Compartilhe

Roteiro de viagem e o que fazer na ilha de Marajó, a principal ilha do Arquipélago do Marajó, que fica no estado do Pará, na região norte do Brasil, do lado de Belém.

A maior ilha fluviomarítima do mundo banhada pelos rios Amazonas e Tocantins e pelo Oceano Atlântico, ou seja um soro gigante 😂

Possui 12 cidades, sendo Soure e Salvaterra os destinos dos turistas.

Você pode fazer um roteiro de Belém e Ilha de Marajó

Navegue pelo índice do post para ir direto ao assunto desejado nessa página:

Confira o vlog do nosso roteiro da ilha de Marajó aqui:

 

Roteiro da ilha de Marajó:

1º Dia

  • Praia de Barra Velha na maré alta
  • Ateliê Arte Mangue Marajó
  • M’barayó Cerâmica Marajoara – Carlos Amaral
  • Curtume Art Couro Marajó
  • Praça da Independência

2º Dia

  • Mercado Municipal
  • Pesqueiro
  • Praia do Céu
  • Caju Una

3º Dia

  • Passar o dia conhecendo as praias de Salvaterra

4º Dia

  • Praia de Barra Velha na maré baixa
  • Passeio no Mata Fome ou Furo do Miguelão
  • Fazenda Mironga
  • Fazenda São Jerônimo – Praia de Goiabal

 

Porque conhecer Ilha de Marajó:

Na Ilha de Marajó há paisagens amazônicas de tirar o fôlego e vai muito além de fazendas de búfalos.

A Ilha  está em uma Área de Proteção Ambiental com cerca de 42 mil km², ela é considerada a maior ilha costeira do Brasil.

Muito conhecida pelos búfalos de Marajó que chegaram à Ilha por acidente, eles são muito importantes na economia da Ilha e por isso você encontra para consumo derivados do leite e a carne de búfalo.

Mas também é usado como meio de transporte, trabalho e o couro é vendido.

Antes da chegada dos portugueses, a Ilha de Marajó era habitada por indígenas que dominavam a arte de fazer cerâmica, conhecida por cerâmica marajoara.

Sendo uma herança que sobrevive até hoje e encontrada em alguns ateliês.

Tanto Soure quanto Salvaterra, os dois municípios mais procurados pelos turistas, são simples, possuem asfalto, mas ainda há ruas de terra.

Nós nos sentimos seguros por lá e fomos acolhidos com muito carinho.

 

Que tal fazer um seguro viagem nacional?

Ele oferece assistência médica e odontológica, além de coberturas no reembolso de despesas por atrasos ou cancelamentos de voo, dano ou extravio de bagagem.

E tudo isso no precinho.😀

Faça uma cotação no site da Seguros Promo com desconto aqui

Quero Desconto!


Dicas da Ilha de Marajó Pará:

 

    • Para chegar na ilha precisa ir de barco ou lancha,
    • Deixe para fechar os passeios por lá, tentei fazer antes e cobraram 2x mais o valor. E não tem nenhuma necessidade de fechar antes.
    • O sinal de internet é bem ruim, principalmente nas praias.
    • As praias do Pará tem muitas raias, elas ficam na areia quando a maré está recuada, então quando for entrar na água arraste o pé ou entre com alguma coisa que possa arrastar no chão para que a vibração possa afastá-las.
    • Quando você pegar a embarcação da Expresso Golfinho para Marajó, tente escolher os assentos na frente, pois as malas ficam em um compartimento na frente do barco.
    • Se você sentar na janela, pode ser que com a água batendo do lado de fora molhe um pouco, mesmo com a janela fechada, minha calça ficou molhada 😐
    • A maioria dos estabelecimentos, passeios e condução é pago em dinheiro ou pix, mas tem Banco do Brasil na ilha.
    • Lá é muito quente e queima mesmo, não deixe de usar e carregar o protetor solar, se quiser leve aquelas camisas UV.
    • Tem lugares que alugam bicicleta por R$30,35, na nossa pousada para hospedes custava R$20.
    • Se atente em pegar uma bicicleta própria para andar em terra, porque uma que usamos arrebentou a corrente no caminho e foi bem ruim para conseguir voltar, já que estávamos longe. A sorte foi uma senhora que tinha a ferramenta para ajustar a bike e emprestou pra gente.
    • Não ande no escuro pela estrada porque não é iluminada e a ilha é bem rústica, vai lá saber que bicho sai do mato né… a maioria tem hábitos noturnos.
    • Compramos garrafa de 1,5 L de água por R$3
    • Infelizmente o mar acaba trazendo muito lixo para a areia, na praia do céu tinha um caco de vidro enorme virado para cima, então precisa ficar atento.

O que fazer em Soure

Soure


Qual a melhor época para ir à Ilha de Marajó?

A melhor época para visitar a Ilha de Marajó é durante o inverno, de junho a dezembro, período em que não chove tanto e é temporada de seca.

Nós fomos no final de novembro, pegamos na maioria dos dias sol, mas também pegamos uma chuva chata que atrapalhou um dia, o dia que fomos para Salvaterra 😐😂

As vezes a manhã fica ensolarada, mas a tarde começa a chover, isso é meio comum, então acorde cedo para aproveitar mais.

 


Quanto tempo ficar na Ilha de Marajó?

Em nosso roteiro da ilha de Marajó nós ficamos 5 dias, porque o dia da chegada já é comprometido e queríamos curtir bem as praias, principalmente porque é comum chover por lá

Mas 4 dias na ilha você consegue conhecer tudo e aproveitar bem.

 


Como ir para a Ilha de Marajó Pará?

As embarcações para chegar na Ilha de Marajó saem de Belém através do Terminal Hidroviário de Belém Luiz Rebelo Neto.

Pelas empresas Master Motors, Banav ou através do Porto de Icoaracy, pela empresa Henvill.

Se vier de avião, o Aeroporto Internacional de Belém Val-De-Cans (BEL) recebe voos diretos das principais capitais brasileiras.

Há uma linha de ônibus que passa ao lado do aeroporto e vai até o Terminal Hidroviário.

Ou você pode pegar um Uber para sair do aeroporto.

OBS: só é possível comprar passagens até 4 dias antes, portanto o ideal é chegar em Belém, comprar as passagens para o dia que quer de ida e volta.

Porque costuma encher e pode ser que você não encontre passagens para o dia que planejou.

As saídas acontecem diariamente.

 

Quanto custa passagem para Soure?

Depende da empresa, mas fica entre R$23 e R$50

Quanto tempo de Belém a Ilha de Marajó?

Depende da embarcação, mas leva em média 2 a 3h

 

Saindo do Terminal Hidroviário de Belém Luiz Rebelo Neto

Empresa Master Motors – a única que leva direto para Soure

Belém ‑ Porto de Soure/Salvaterra – para antes em Salvaterra
Saída Segunda, terça, quinta e sexta 8:15h Quarta e sábado 8:40h com previsão de chegada em Soure e Salvaterra por volta das 10:30h.
Valor da passagem: R$50 o trecho
Soure/Salvaterra – Belém com saídas as 5:30h da manhã – o nascer do sol é bonito de ver no rio.

 

Roteiro ilha de Marajó

Terminal Hidroviário de Belém

Empresa Banav

Belém ‑ Porto de Camará ( Salvaterra ), Horários Segunda à Sábado
Saída da Lancha ‑ R$ 38,10 de 07:00h e às 14:00h Previsão de chegada ‑ Porto de Camará 10:00h e às 16:00h
Saída do Navio ‑ R$ 27,72 as 14:30h Previsão de chegada ‑ Porto de Camará 18:00h
Horários aos Domingos
Saída da Lancha as 08:00h Previsão de chegada ‑ Porto de Camará 09:30h
Confira os horários aqui.
OBS: O Navio fluvial ou Catamarã para Marajó, é uma opção caso o seu destino seja Soure e não tenha mais passagem.
Você pode ir até Salvaterra de navio fluvial e pegar uma van assim que descer da lancha no Porto de Camará.

 

Empresa Henvill

Porto de Icoaracy ‑ Porto de Camará em Salvaterra a 20 km do centro de Belém. Horários de Segunda à Domingo
Essa empresa pode levar o carro na embarcação a partir de R$ 138,90 o trecho
Saída da balsa ‑ a partir de R$ 23,60 as 07:00h Previsão de chegada ‑ Porto de Camará 10:00h
E de Porto de Camará para Porto de Icoaracy às 16h.
As sextas tem mais opções de horários e no sábado e domingo são mais limitados. Você pode conferir aqui.
Av. Bernardo Sayão, 4440, Jurunas, e rua Siqueira Mendes, s/nº, Belém
Tel: (91) 3249-3400 e (91) 3246-7472

Se for se hospedar em Soure, no Porto de Camará há outra balsa que leva até a cidade.

Quando você chega em Soure, você já sai em uma praça com pessoas oferecendo serviço de táxi e moto táxi para sua pousada.

A nossa ficava muito perto então fomos a pé.

 

Como ir de Soure a Salvaterra e vice-versa

Existem três formas de fazer a travessia entre Soure e Salvaterra.

      • Balsa que é de graça e dura em torno de 20 min, fica em operação até às 19h e, no domingo, até às 18h, mas sai de hora em hora;
      • Rabeta que custa R$3 e dura em torno de 10 min, tem saída toda hora;
      • Popopô que custa R$ 4 e dura em torno de 25 min, mas sai do trapiche da cidade e deixa no centro de Salvaterra.

 

Pesquise as melhores promoções de passagens aéreas para com a Passagens Promo.

A Passagens Promo oferece tarifas diferenciadas para companhias como LATAM, Gol, Avianca, Azul e ainda oferece pagamento em até 10x sem juros no cartão de crédito ou feito por transferência bancária.

Faça sua cotação


Onde ficar hospedado em Ilha de Marajó?

As cidades mais conhecidas do Marajó são Salvaterra e Soure.

E são mais preparadas para receber os turistas. Entre as duas, eu achei Soure com mais opções de hospedagens, restaurantes e atrações.

E você evita o vaivém de balsa entre as duas cidades.

Soure é uma cidade planejada, as ruas e as travessas são paralelas e numeradas.

Nós fechamos nossa pousada pelo Booking.

Pousada Solar Encanto do Marajó

Mas há muitas opções de bons hotéis e pousadas na região, caso essa seja sua preferência veja algumas sugestões:

Pousada O Canto do Francês

Pousada Aruanã

Hotel Marajó – Turismo de Experiência

Caso queira procurar outra opção de hospedagem em Soure, basta usar essa caixinha do Booking.com.



Booking.com

O que achamos da Pousada:

Gostamos muito da estadia, principalmente pela localização que era muito boa.

O atendimento é show e nos ajudaram a fechar os passeios com os melhores preços.

Ela não oferece café da manhã, mas o mercado municipal é bem pertinho e tomávamos nosso café lá, bem baratinho.

Com R$5 você come e toma um café.

Se quiser, eles entregam na pousada o café da manhã que você encomendar no dia anterior.

Os quartos são espaçosos, e simples, com ar condicionado, TV e frigobar e a pousada é um charme.

Além disso, eles alugam bicicleta por R$20 a diária e isso foi muito bom, deu pra economizar bem.

A única coisa chata foi o wiifi que não funcionava no nosso quarto porque estávamos longe da recepção, era o último quarto.

Mas a gente super recomenda, até porque o valor da diária era bom também.

 

Onde ficar hospedado em Ilha de Marajó?

Pousada


Como se locomover na Ilha de Marajó?

Como se locomover em Soure?

Para se locomover para os lugares por perto a melhor maneira e mais barata é de bicicleta ou moto táxi.

Nós fizemos tudo de bicicleta, mas se você achar que seu preparo físico não é lá essas coisas use a bike para circular pelo centro e o moto taxi para chegar nas praias.

O único chato é que você precisa combinar a volta com o motorista, lá não pega bem a internet.

Roteiro ilha de Marajó

Tabela de valores do Moto Táxi

De Carro

Para os passeios mais distantes, se tiver de carro é possível chegar nos lugares, mas tem a opção de fechar os passeios com translado.

Você pode alugar em Belém e passar pelo rio com a embarcação.

Caso queira alugar um carro para fazer sua viagem, pode procurar no buscador da Rentcars. É um site de comparação de preços e locação de veículos com atendimento em todo mundo fornecido pelas principais locadoras de veículos do mercado.

Pesquise aqui

 

Como se locomover em Salvaterra?

Fechamos o motorista Rui para passar o dia com a gente nos levando para as praias.

Ele nos deixava e combinava a hora de nos buscar.

Custou R$150 o dia inteiro visitando todas as praias de Salvaterra. O telefone dele é: (91) 99326-3019 – (91) 98542-8612

E a forma mais econômica, é ir de moto-táxi, mas precisa sempre combinar a ida e a volta.

Tem gente que vai de bicicleta, mas não aconselho, pois é muito distante e o sol na lata não vai ser legal.

roteiro ilha de marajó

Ponto de Táxi de Salvaterra.

 


Onde comer na Ilha de Marajó:

As comidas típicas da Ilha de Marajó:

  • Queijo de búfala
  • Carne de búfalo
  • Queijo marajó que só tem lá – da fazenda Mironga
  • Turú, uma espécie de minhoca
  • A pior pizza que eu já comi na vida foi aqui, e foi indicação, então não arrisque rs
  • Dos restaurantes de praia que comemos o melhor foi o da praia de Joanes em Salvaterra e o Pai D’egua na Barra Velha em Soure.

 

Cozinha Tucupi

Endereço: Travessa 36 S/n Bairro Do Tucumanduba, Soure. Horário: Quinta a sábado de 19:00 – 22:00.

O restaurante fica dentro de uma pousada, no quintal.

Por ser mais requintado e caro que os outros da ilha, só tinha um casal além da gente.

Eu gostei muito da área do restaurante, me lembrou as ilhas da Tailândia.

Era bem rústica, e o atendimento era bom também.

A comida estava saborosa, a quantidade suficiente para uma pessoa sem muita fome.

Pedimos Dadinho de tapioca de queijo do Marajó e geleia apimentada de cupuaçu por R$28

E um prato de filé de peixe com molho de camarão na faixa de R$40.

 

onde comer na ilha de marajo

Cozinha Tucupi

 

Ilha Bela Pousada e Restaurante

Endereço: Avenida Beira Mar 49 Centro  Horário: Todos os dias de 08:00 – 00:00.

Demora para a comida chegar, mas é bem gostosa.

Suco por R$3, e o prato executivo para uma pessoa que custou R$33 de filé marajoara com arroz a grega e batatas fritas, dividimos e comemos bem.

E o prato para duas pessoas na faixa de R$70.

Petiscos na faixa de R$30…40

E eles são o único lugar da Ilha que faz o sorvete de leite de búfala e é bemmm gostoso, mas servem outros sabores também. 2 bolas por R$8 se for do mesmo sabor.

onde comer na ilha de marajo

Da Ilha

 

Restaurante Pai D’egua de Soure 

Endereço: Praia Da Barra Velha. Horário: Ter – Sáb de 19:00 – 23:00.

Nós almoçamos nele quando estávamos na praia de Barra Velha.

A comida é bem servida e gostosa, e lá serve caranguejo e o turú.

Ele tem barracas na areia e redes também.

Comemos um PF e dividimos, deu pra comer bem nós dois, na faixa de R$35 mas também pedimos um caranguejo por R$6.

Eles cobram 10% e taxa de cartão de R$5, então acabou ficando mais caro.

onde comer em marajó

Restaurante Pai D’egua de Soure

 

Patu-Anu

Endereço: Travessa Quatorze, 667 Centro, Soure. Horário: segunda a sábado: 12:00 – 14:00 , 19:00 – 23:00 e domingo de 12:00 – 14:00

Ficava perto da nossa pousada então fomos lá no primeiro dia e pagamos um prato individual por R$35 e comemos nós dois, porque vem muito bem servido.

Comemos um peixe filhote frito com queijo marajoara por cima, arroz, macarrão, feijão e farofa.

Era bem simples, e não achei saborosa, mas quebra o galho principalmente para economizar.

onde comer na ilha de marajo

Patu-Anu

 

Solar do Bola

Endereço:  R. Oitava, 872 – Matinha, Soure. Horário: Tod os dias de 11:30–14:00, 19:00–23:30

O melhor restaurante de Soure!

A comida é realmente muito saborosa e bem servida, e o cardápio muito variado.

Nós estávamos com nossos amigos e pegamos três pratos diferentes para duas pessoas e dividimos entre todos.

Deu R$48 para cada um com um suco.

Pedimos o caranguejo desfiado, um filé marajoara e a picanha de carne de búfalo, tudo maravilhoso.

Em outro dia nós pedimos o camarão, mas o caranguejo é mais gostoso.

Os acompanhamentos eram gostosos também, principalmente o feijão.

onde comer na ilha de marajo

Solar do Bola

 

Café 100% Marajoara

Horário de Funcionamento: 06:00 – 10:00 – Telefone: 91-988553342

Café da manhã no precinho.

No mercado municipal de Soure tem estabelecimentos que oferecem café da manhã, você pode ir até o estabelecimento deles no mercado municipal ou eles podem te entregar

Todos vendem praticamente a mesma coisa e com o mesmo preço.

Tapioca, suco, café, café com leite, pão, queijo marajoara…

Só que tem algumas barraquinhas que o suco e o café já vem adoçado e eles tacam-lhe açúcar.

Os preços são bons, uma tapioca com queijo R$5, R$1 o café, R$2 café com leite, R$3 o suco.

Roteiro ilha de Marajó

Café 100% Marajoara

 

Restaurante na Praia do Céu

É o único restaurante na Praia do Céu.

Eles colocam mesas e cadeiras em uma tenda na areia e você faz o pedido

O prato de frango para nós dois saiu por R$30, e a comida embora simples estava saborosa.

onde comer na ilha de marajo

Restaurante na Praia do Céu

 

Restaurante na Praia de Joanes em Salvaterra

As mesas e cadeiras ficam na areia e há redes nas árvores.

O atendimento da moça é um pouco ruim, mas a comida era gostosa, e não tem internet no local.

Leva em torno de 1h pra comida ficar pronta.

Comemos um prato de pirarucu no tucupi, com arroz e farofa para uma pessoa e dividimos, comemos muito bem por R$65

O prato para duas pessoas serve 3 e custa na faixa de R$100

onde comer na ilha de marajo

Restaurante na Praia de Joanes em Salvaterra

 

OBS: Em nosso roteiro da Ilha de Marajó comemos também na praia do Pesqueiro, no primeiro restaurante da praia.

As coisas são muito caras, vem pouca quantidade e é ruim. Deixe para comer na praia do céu que é bem mais em conta.

E lá eles cobram 10%, e não aceitam cartão.

Nós gastamos R$70 e a gente dividiu em 3 pessoas uma macaxeira frita toda engordurada e dura e um bolinho de peixe que veio muito pouco.

 


O que fazer na Ilha de Marajó Pará?

Veja um mapa com os pontos turísticos da ilha de Marajó aqui:

 

Em soure

Veja detalhes do que fazer em Soure nesse post.

Veja o vlog de Soure aqui:

 

Praia de Barra Velha

Na minha opinião é uma das praias mais bonitas da Ilha.

Tem vários restaurantes na areia com redes penduradas nas árvores.

O cenário muda completamente quando a maré está mais baixa, formando grandes piscinas naturais, então vale a pena ir ver essa diferença de cenários.

Como chegar: Nós fomos de bicicleta nos guiando pelo Google maps e é bem tranquilo de chegar, em 10 minutos você está na praia.

 

Ateliê Arte Mangue Marajó

É um dos ateliês mais conhecidos da ilha, que vende cerâmica marajoara herança das tribos indígenas da ilha de Marajó.

Como chegar: Tv. Vinte e Três entre a decima segunda e decima terceira – Pacoval. Horário: Segunda a Sábado de 08:00–18:00.

 

M’barayó Cerâmica Marajoara – Carlos Amaral

Nesse ateliê as coisas eram bem mais simples, e não achei bonito, mas a intenção do artista vai mais para a parte religiosa do artesanato marajoara.

Ele explicou como é feito e um pouco da história.

Como chegar: Tv. Vinte – Centro.

 

Curtume Art Couro Marajó

Uma loja que vende couro de búfalo como sapato, bolsa, cinto e outros materiais.

Ele mostrou as espécies de búfalos que tem na ilha e o processo do trabalho com o couro.

Como chegar: R. Primeira, 450 – Novo. Horário: De segunda a Sexta:  08:00–12:00, 15:00–18:0 e Domingo de 08:00–11:00.

 

Mercado Municipal

O Mercado é pequeno e bem simples, há algumas barraquinhas e uma peixaria.

Como chegar: Terceira Rua entre a segunda e a décima sétima. Todos os dias de 06:00–01:00:

 

Praça da Independência

É uma praça bem central, não tem nada demais, mas ela fica em frente ao rio.

Vimos o pôr do sol de lá e foi bem bonito.

Como chegar: R. Décima Primeira – Centro.

 

A Praia do Pesqueiro

Nós chegamos de manhã a maré estava baixa, formando várias piscinas naturais maravilhosas.

A praia é muito grande, então a paisagem era linda demais.

A água estava uma delica então aproveitamos bem as piscinas calmas.

Como chegar: PA-154.Fomos de bicicleta, mas mesmo longe é tranquilo de chegar, em 40 min em estrada asfaltada.

 

Passeio para o Furo do Miguelão – Mata Fome

O Furo do Miguelão é um passeio pelo rio Paracauari, entrando pelo Furo do Miguelão.

No caso, na época que estávamos lá tinha caído uma árvore e por isso impossibilitou a ida para o Miguelão.

Mas nós fizemos o passeio Mata Fome, que é a mesma coisa, só que vai por outro lugar.

O passeio tem duração de 3h, e o horário depende da maré.

Com parada na praia do Garrote, que é pequena e com vista para o Farol de Soure.

 

Fazenda São Jerônimo

Essa fazenda ficou muito famosa por causa do programa No Limite e da novela Amor Eterno Amor da Rede Globo.

A fazenda oferece passeios ecológicos com interação com os búfalos.

Passeio 1: passeio de canoa + Passeio Praia Deserta (Praia do Goiabal) + Trilha suspensa em um manguezal (300m) + Passeio de búfalo Preço: R$ 250

Passeio 2: Passeio 1 + nadar com ou sobre um búfalo, de uma margem à outra de um trecho largo do Igarapé. Preço: R$ 300

Mas nós entramos na fazenda apenas para conhecer a praia.

No caso só conseguimos ir, porque um dos colegas que a gente fez na viagem tinha o contato do dono da fazenda e ele permitiu que entrássemos.

É muito fotogênico esse lugar, e caminhar pelas árvores em cima do mangue foi bem legal.

Como chegar: Rodovia Soure Pesqueiro, Km 3, s/n – Tocumanduba. Para fechar o passeio você pode ver diretamente com sua Pousada.

 

Fazenda Mironga

Essa fazenda não abre para o turismo com passeios como as outras fazendas de Soure.

Mas, é lá que você encontra o Queijo Mironga – queijo artesanal de búfala produzido há mais de 80 anos.

Tinha uma cabaninha de madeira com geladeira e uma plaquinha, você deixa o seu dinheiro ou faz um pix e pega o produto.

O Queijo de 250g custa R$15 e o pão de queijo também.

Como chegar: Rod. Soure-Pesqueiro, km 4, fica perto da fazenda São Jerônimo

 

Praia do Céu

É bemmmmm extensa, e se você seguir por ela acaba dando na praia de Caju-una, mas só se a maré estiver baixa.

Tem vegetação ao longo dela e o mar/rio tem poucas ondas, mas parece muito com mar aberto.

A água é quentinha e cristalina.

Como chegar: Na primeira vez que fomos, pegamos o caminho que vai pela fazenda Bom Jesus.

Muitas pessoas fazem o caminho pela praia do Pesqueiro que fica mais rápido, e depois volta pela fazenda pra ver uma paisagem diferente.

A outra opção e ir até a praia do pesqueiro e no final dela pegar um barquinho por R$5 por pessoa com o senhor Catita.

Para retornar precisa combinar mais ou menos a hora com o senhor Catita.

Eu achei esse caminho melhor porque a estrada para chegar na praia do Pesqueiro é toda asfaltada e muito boa, então a bicicleta voa.

Caju-una

A Praia em si é pequena, porque ela é um encontro do rio com a parte que tem o mar.

Mas é LINDAAAAAA demais! A praia mais linda se considerar o cenário de filme que é.

A água também estava uma delícia, e não tinha raia porque a maré estava alta e o rio mexe muito então elas não ficam por ali.

Então, coloque em seu roteiro pela ilha de Marajó.

Como chegar: Nós fomos a partir da praia do céu, andando pela comunidade e depois na comunidade de Caju-una.

Tudo de bicicleta, e esse é o melhor caminho se estiver na praia do Céu.

Se estiver vindo pela fazenda Bom Jesus, basta pegar a PA-154.

 

Em Salvaterra

Veja detalhes do que fazer em Salvaterra nesse post.

Veja o vlog de Salvaterra aqui:

Nós pedimos ao motorista para nos levar a Praia de Joanes e depois voltar, e foi uma decisão boa porque na volta o tempo fechou e a praia de Joanes foi a mais bonita.

Então antes de chegar na praia nós fizemos uma paradinha rápida em uma loja de artesanato que vendia muita coisa bonita e com ótimo preço.

Comprei uma peça de madeira para parede por R$30 e uma cuia por R$20.

Na primeira foto é a lojinha que fomos e a segunda foto é outra loja de artesanato, mas que fica no centro de Salvaterra, paramos nela na volta.

roteiro de soure

Lojas de artesanato

 

Você também pode conhecer a Vila histórica de Monsarás, como o guia disse que era mais longe e não valia tanto a pena não fomos.

Ruínas dos Jesuítas

As ruínas ficam logo perto da praia de Joanes.

As ruínas representam onde o Pará começou, tem uma vista para o mar, mas elas estão bem arruinadas mesmo 😂, então se quiser pode pular.

Como chegar: TV. Três A

 

Praia de Joanes 

Na nossa opinião a praia mais bonita de Salvaterra.

A praia é muito vazia, o mar estava calmo, transparente e azul.

A extensão de areia é grande até o mar, e há um restaurante muito gostoso.

Como chegar: Rua Quinta

roteiro de soure

Praia de Joanes

 

Praia de Água Boa

Uma praia tranquila, com muitos redários e restaurantes, com água de coco por R$3 e é formada por igarapés o que faz o cenário mudar.

Ela é menor que a praia de Joanes.

Como chegar: É a praia que vem depois de Joanes, a estrada é de terra.

 

Praia Grande

A principal praia do município de Salvaterra, tem um calçadão charmosinho com algumas estruturas para tirar fotos.

É uma praia extensa e com muitas opções de restaurantes. De longe você avista o farol de Soure.

Como chegar: Rua Oitava

 

Quais os lugares mais procurados no Marajó?

Praia de Barra Velha, do Pesqueiro, de Joanes, Praia Grande.

 

O que não fizemos no nosso roteiro da ilha de Marajó:

  • Visita na Fazenda São Jerônimo
  • Visita na Fazenda Bom Jesus
  • O Farol de Soure, mas vimos de Longe
  • Vila histórica de Monsarás

 

Conheça opções de passeios em Itapema oferecidos pela Civitatis:

Excursões em Alter do Chão

Conclusão:

A Ilha de Marajó é única e vale a pena conhecer se estiver viajando pelo Pará.

É possível fazer um roteiro ilha de Marajó e Belém, pois fica muito perto.

Praias belíssimas, cultura diferente, culinária regional e uma paisagem incrível.

Além de ser um roteiro de natureza barato e sem muitos turistas, as praias são praticamente vazias.

 

Se você gosta das nossas dicas segue a gente lá no Instagram @ateondeeupuderir para acompanhar nossas viagens em tempo real!

 


Confira nosso guia de viagem mais detalhado do Pará, você pode clicar aqui. Ou selecionar o assunto que mais te interessa:

Salvaterra
Soure
Santarém
Belém e O que fazer em Belém
Roteiro de Alter do Chão
O que fazer em Alter do Chão


 

Qual foi a dica que você mais gostou do do nosso Roteiro da Ilha de Marajó? Veja também

Roteiro de Conservatória e o que fazer
Conhecendo o Bairro de Santa Teresa no RJ – Lista de atrações
Conheça os 10 tipos de hospedagem


EI, VAI VIAJAR? ENTÃO RESERVE COM A GENTE!


Sabia que quando você faz uma reserva com um link do blog, nós ganhamos uma pequena comissão? Você não paga nada a mais por isso e ainda nos ajuda a produzir mais artigos e vídeos! Topa dar essa forcinha para o Até Onde eu Puder Ir? Então planeje sua viagem aqui.

Hospedagem: Booking
 Passagens Aéreas: Passagens Promo
 Aluguel de carro: Rent Cars
 Seguro viagem: Seguros Promo
Ingressos e Passeios: Get your GuideCivitatis
 Chip e Internet: Viaje Conectado

Ana Paula

Olá! Eu sou Ana Paula. Sou formada em publicidade, amo viajar e me conectar com pessoas, lugares e culturas diferentes. Já visitei 11 países, inúmeras cidades e vou continuar Até Onde eu puder Ir.

  • 1

10 Comments

  1. Fernanda 17 de abril de 2022

    Esse post é um super guia pra organizar uma viagem pra Ilha de Marajó! Salvando aqui porque está no topo da minha wishlist de viagem!

    Responder
    1. Ana Paula 30 de abril de 2022

      Que bommmm

  2. Luciana Freitas 18 de abril de 2022

    Adorei o roteiro completíssimo sobre a Ilha do Marajó! Ótimas dicas práticas, principalmente para ter cuidado com as raias nas praias. Deu até um friozinho na barriga por aqui… rsrs

    Responder
    1. Ana Paula 30 de abril de 2022

      hahhahahahha dá mesmo

  3. Adriana Magalhães (@amamelo) 29 de abril de 2022

    ADOREI as dicas, tudo perfeito. Eu penso muito em ir pra lá , minha família é do Pará, minha mãe sempre falava bem da ilha

    Responder
    1. Ana Paula 30 de abril de 2022

      Ah então não perca a oportunidade, vai amar

  4. cynara00 29 de abril de 2022

    Muito completo seu post Ana, impossível ficar com alguma dúvida sobre o que fazer na Ilha e Marajó. Adorei saber um pouco sobre esse destino que é tão pouco divulgado.

    Responder
    1. Ana Paula 30 de abril de 2022

      E é um destino que super vale a pena

  5. Marcia 29 de abril de 2022

    Que super guia de viagem da Ilha de Marajó! Tudo mastigadinho, claro e objetivo. Parabéns!

    Responder
    1. Ana Paula 30 de abril de 2022

      Obrigada ^^

Dúvidas, elogios, críticas ou sugestões? Adoraremos ler seus comentários!

%d blogueiros gostam disto: